página inicial
 

É um passeio inesquecível! Partindo de Campo Grande/MS, são 194 km até Miranda, onde se deve abastecer e com certeza comprar aquilo que você se esqueceu (verifique, aqui no Planeta, quais são as tralhas mais importantes a levar em uma trilha). Mais 108 km até um posto da Polícia Florestal e entrar a direita, uma estrada gostosa de areia, pois o terreno varia até Corumbá, começa com areia batida, argila (se seco é poeira, se molhado é um sabão - pneus dune buggy só no areão ) e um pouco de cascalho.

Existem várias pousadas nos primeiros 50 km de estrada e um trânsito de fazendeiros e pescadores que não te deixarão na mão, caso ocorra qualquer incidente.

Ao todo são 127 km de belíssimas paisagens, 85 pontes de madeira, uma travessia de balsa no porto da Manga e uma subida de serra na segunda maior reserva de minério de ferro do país.

A minha programação foi a seguinte:

      • Saí de Campo Grande as 9:30 h, velocidade de cruzeiro 70 a 80 km/h;
      • Abasteci em Miranda e entrei na Estrada Parque as 13:30 h;
      • Fui parando e fotografando a todo momento, tem muito bicho;
      • Almocei no buggy debaixo de uma chuva torrencial, que entrava água em todo lado, mas a fome era tanta;
      • Foi aí que começou o baile. Pneu Dune Buggy e barro não combinam! Não afunda, mas também não traciona, só dançava...
      • Saindo do trecho molhado, tudo OK, continuei fotogrando até o pôr-do-sol, quando lembrei que tinha que armar a barraca p/ dormir.
      • Barrada armada, cadeira de campanha e isopor cheio de latinhas, era um gole e uma tapão no mosquito, dá pra perceber que pela quantidade de mosquito o porre que tomei;
      • Acordei muito cedo fotografei, desarmei a barraca e segui no mesmo ritmo até o Porto da Manga;
      • Travessia de balsa, estrada com cascalho, subida de serra e finalmente (infelizmente) Corumbá as 13:00 h;
      • Abastecido, vim apagando o rastro, sozinho e feliz da vida prometendo um dia voltar.

Marcelo Silva de Oliveira

PANTANAL
Um Breve Histórico
(texto e fotos: Marcelo Silva de Oliveira)

Considerada a maior área úmida continental do planeta , o patrimônio ecológico é habitado por incontáveis espécies. A variedade de bichos espanta. Lá dividem o mesmo espaço cerca de 650 espécies de aves, 80 de mamíferos, 260 de peixes e 50 de répteis. Resultando em um movimento de formas, cores e sons, sendo um dos mais belos espetáculos da Terra.

 
Distâncias Rodoviárias
São Paulo-SP / Corumbá-MS, 1411 km
São Paulo-SP / Campo Grande-MS, 1014 km
Campo Grande-MS / Corumbá-MS, 403 km
Campo Grande-MS / Bonito-MS, indo por Sidrolândia-MS, 273 km
Corumbá-MS / Bonito-MS, 339 km
 

Distâncias rodoviárias em km entre as principais capitais e Campo Grande

Belo Horizonte
1.480
Brasília
1.405
Curitiba
1.071
Florianópolis
1.373
Porto Alegre
1.786
Rio de Janeiro
1.475
Salvador
2.935
São Paulo
1.044
 
As fotos tiradas por Marcelo - clica nelas, para ver uma versão maior.
     
     
     
     
     
     
Conheça o buggy do Marcelo em mais detalhes, clicando aqui.
 
Volta para a página de Aventuras, Trilhas, etc.

[Página Inicial] [Clássicos] [Extintos] [Atuais] [Forum do Planeta]