O Maurício é engenheiro mecânico e deu grandes dicas sobre rodas de buggies. Como trocamos alguns mails sobre o assunto buggies, achei interessante colocá-los por aqui.

     
     
   
     

Maurício conta um pouco da "aventura" que é comprar um buggy e transformá-lo em algo de grande curtição:

Este danado já me consumiu uma grana danada e já me fez pensar em vendê-lo um punhado de vezes, porque a pressão em casa contra ele era grande.

Já troquei: carburador, filtro de ar passou a ser seco, instalei ignição eletrônica (junto, bailou distribuidor e bobina), rodas novas da Mangels, fiz toda a caixa (450 paus!), troquei calços de caixa e motor, amortecedor de direção, desmontei todo o eixo dianteiro, lavei o tanque, troquei parte da instalação elétrica, cabos de vela, tambores traseiros, lonas, pivô, cablagem em geral, pneus, ergui suspensão dianteira e traseira, baixei a fibra que tava alta demais, reformei o cambão e o pára-choques dianteiro para poder levá-lo pendurado junto, troquei a posição dos faróis, tapei buracos na fibra, fora o resto que eu já esqueci. Bom, é uma novela. Só eu mesmo para fazer isso tudo, ainda mais que bugue não passa de um piscinão que não pode ser muito afrescurado. Mas, fazer o quê....ainda falta o som, claro.

Depois de mexer em tudo, ficou tão bonzinho e econômico que o camarada que comprasse ele seria um felizardo. Faz em média 8 km/l com motor 1500 e andando em estradas ruins do interior e algumas picadas que vou descobrindo. E no asfalto, por causa dos pneus grandes, que alongaram a transmissão, e do motor afinado, anda a 100 de velocidade de cruzeiro, e na estrada de chão acompanha as camionetes dando rizada. Na areia, o protetor abaixo do motor está a 25cm do chão, então dá pra detonar em arroios, sem medo de apagar o motor.

Estou te devendo fotos atualizadas para figurarem no site. Até que não mudou muito a cara dele, mas aqueles faróis pendurados encima da fibra saíram dali ficando todos os 4 abaixo da aba do pára-lamas (ficou 10 vezes melhor) e as rodas deram uma cara mais parruda.

Mas, em resumo, no último feriado de 12/11 levei-o para a praia, tirei o teto de fibra, botei a loninha parcial branca/amarela e lá ficou, porque o verão espera. É um show na praia! E finalmente família agradece, porque ponho tudo que é tralha, cadeira, guarda-sol, isopor, farofa, encima e chego até na beira da água. Então eles lembram que antes tinham que carregar nas costas aquela bagulhada por uns 500 metros e no fundo passam a adorar o brinquedo. É divertimento barato e ainda um passatempo para os mais doidos por mexer e remexer em meio a graxa e confusões em geral tipo eu.

Fui mordido pelo bicho e acho que não tem cura. Ainda bem.

Saudações e melhores cumprimentos - o site é show! Do seu amigo torcedor do CAXIAS,

Mauricio Rizzotto


Em uma série de mail que trocamos, o Maurício comentou mais um pouco sobre o Look e algumas dicas da reforma:

Comprado em fev/01, chassi 73, não sei o ano da fibra, não sei de onde que saiu este modelo, mas ele tem uma capota de fibra com vidros e portas "asas de gaivota" igualzinha a do Emis, porém os vidros da mesma são gravados em nome da Look e tudo o mais.

Ele é um modelo bastante alto, pode-se tranquilamente adaptar pneus Dune. Realmente me satisfez muito na praia. Sou de Caxias do Sul e frequento o litoral norte do RS (Arroio do Sal), e ele deu conta do recado durante 45 dias que ficou no litoral.

Tenho o telefone da pessoa em Bento que faz as rodas que originalmente equipavam este buggy (de liga leve - gauchinhas, que aparecem nas fotos acima): "Alemão" 54.453.2818 ou 54.9974.2000. Na verdade ele funde na Fundimec 54.454.6814 (Gilmar Pavan), depois faz a usinagem e revende na sua loja de rodas e pneus no centro de Bento. Ele faz desde aro 13 até 15 e em uma gama enorme de larguras, e os preços variam desde 100 para uma 13"x5.5" até 180 para uma 15" x 10" (é muita grana!) - Nota do Planeta: estas rodas são as mesmas do meu Glaspac, fabricadas originalmente pela Domon e atualmente fabricadas pelo Alemão, em Bento Gonçalves.

O problema que eu tive com as rodas dianteiras era o off-set das mesmas, que deixava a linha de centro do pneu cerca de 40mm mais para fora que uma roda original fusca, aumentando muito a bitola e deixando o volante impreciso no asfalto, altamente desbalançeado e passarinheiro nas retas, nas curvas chegava a tremer a roda dianteira interna à mesma e, na terra, ao chocar com pedras o volante recebia uma resposta brutal, mesmo com o amortecedor de direção novo. Certamente o sistema de direção vai pro espaço muito rapidamente trabalhando assim.

Então comprei duas rodas de aço da Mangels modelo direcional (desenho é com triângulos deitados) as quais tem off-set praticamente idêntico ao original. Dimensão 14" x 6" com 185/70 14, e o resultado de dirigibilidade é ótimo, e principalmente nas retas quando o volante fica bem "quieto" e o buggy pára de passarinhar em qualquer ondulação. Estou tentando com o revendedor que o mesmo consiga para a traseira umas 15" x 8" ou 7" para os pneus Firestone FSR 225x75 15 ficarem bem instalados, pois as traseiras 15" x 8" que restaram estão tortas e também tem off-set exagerado.

O preço das dianteiras foi R$60 (NOVAS!), bem acessíveis, podem ser montadas sem câmara, porém enferrujarão com o tempo. Por precaução, guardei as de liga e posso montar um jogo de rodas p/ a praia e poder detonar nos arroios e areião, pois a velocidade é sempre baixa.

Be sure i´ll keep contact,

Mauricio Rizzotto

 
Volta para a página da Look

[Página Inicial] [Clássicos] [Extintos] [Atuais] [Forum do Planeta] [Contato]